União Química investe R$ 100 milhões em nova linha

Victória Mantoan – Valor Econômico:

A União Química vai investir R$ 100 milhões na instalação de uma linha de produção flexível na fábrica de biofármacos da Btech, adquirida em 2012. O investimento faz parte do esforço da empresa para expandir o portfólio e entrar no mercado de biológicos. Segundo o Miguel Giudicissi Filho, diretor médico da companhia, “quem não estiver nessa área, não sobrevive”. A nova linha será fabricada pela General Eletric (GE) e vai custar cerca de R$ 30 milhões. Os outros R$ 70 milhões de investimento serão direcionados para ações como transferência de tecnologia e estruturação para atendimento das necessidades da produção.

A expectativa é que a fábrica, ainda sem operação, comece a funcionar no primeiro semestre de 2016. Hoje ela conta com 20 funcionários, mas o número deve subir para 60 ainda neste ano e serão feitas mais contratações quando a produção começar. A fábrica inicia a operação com um hormônio de crescimento animal, BST. A empresa está reforçando os negócios na área de saúde animal, que representa 20% das vendas.

Para a GE, é a primeira venda feita na América Latina de um modelo de fábrica pronta com possibilidade de flexibilização da produção – isto é, pode-se fazer um tipo de biofármaco, descartar as partes que entraram em contato com o produto e iniciar a produção de outro biofármaco, em um curto espaço de tempo. Junto com o hormônio de crescimento animal, a União Química vai utilizar a fábrica para produzir uma patente da empresa que combate o câncer.

A parceria entre GE e União Química está na fase de avaliação dos desenhos e processos e os equipamentos devem começar a ser desenvolvidos no fim deste ano. O segmento de Healthcare, responsável pela elaboração e execução do projeto, cresceu 15% no Brasil em 2014 e a estimativa é que este ano a área de negócios aumente de 7% a 8%. “O mercado tem dados sinalizações interessantes, com sondagens que não tínhamos anos atrás”, disse Andre Mindlin diretor de Life Sciences da GE Healthcare.