abiquiflashes 066

  • Ácidos biliares: estes ácidos classificados na NCM 2918.29.29 apresentam ações coleréticas e colagogas. Eles representam uma expressiva contribuição às exportações brasileiras. Em 2018, até setembro, foram exportados US$ 44,9 milhões destes ácidos.
  • ácido salicílico: usado como queratolítico e intermediário na produção da aspirina, as exportações deste ácido alcançaram em 2018, até setembro, a soma de US$ 6.091.582,00.
  • lisina: este aminoácido, seus sais e ésteres , representam o principal item das exportações brasileiras de farmoquimicos, Com efeito, US$ 46,8 milhões destes farmoquimicos foram enviados ao exterior em 2018, até setembro.