abiquiflashes 043

  • Japão: o Brasil é um importante produtor mundial de aminoácidos, usando tecnologia japonesa. Em 2018, até junho, o país do Sol Nascente importou do Brasil US$ 9.174.429,00 destes farmoquimicos que representam a expressão mais simples das proteínas.
  • Argentina: US$ 3.372.489,00 foi o montante importado por este país austral em ésteres e sais da lisina nos primeiros seis (06) meses de 2018. Este aminoácido é importante para o crescimento e manutenção do corpo humano.
  • Nafta:  a virginiamicina é um antibiótico amplamente usado em veterinária como antibacteriano e promotor do crescimento. Com destaque para o Canadá,  o Brasil enviou para os países do Nafta (Canadá, EUA e México) em 2018, até junho, US$ 5.309.254,00 deste farmoquimico. Excelente contribuição para as exportações brasileiras de produtos manufaturados.