abiquiflashes 042

  • Itália: sempre é possível encontrar alguns  nichos de mercado para as exportações brasileiras. É o caso de medicamentos à base de hormônios corticosteroides (NCM 3004.32.90), que encontram na Itália um bom mercado. Nos primeiros seis (06) meses de 2018, o país romano recebeu US$ 3.618.316,00 destes medicamentos.
  • Egito: o país dos faraós recebeu em 2018, até junho, US$ 2.599.090,00 em cefalosporinas produzidas no Brasil, ao preço médio de US$ 361,44/kg (7.191 kg). Estes antibióticos representam uma excelente arma como antibacterianos de segunda geração.
  • Índia769.612 kg de ácidos biliares (coleréticos e colagogos) foram enviados a este país asiático, em 2018, até junho, por US$ 12,5 milhões, ao preço médio de US$ 16,20 kg. Estas exportações para a Índia representam 45% das exportações brasileiras  de ácidos biliares no referido período.