Mercado

CADEIA PRODUTIVA FARMOQUÍMICA-FARMACÊUTICA

Retomada das exportações perde fôlego

Dados da Secretaria de Comércio Exterior apontam que a elevação dos embarques da cadeia farmoquímica-farmacêutica brasileira registrada em 2016 e em 2017 não se repetiu em 2018, registrando queda de 4,1% em relação ao ano anterior (US$ 1.686 milhões em 2018, contra US$ 1.758 milhões em 2017).

Por setor, as indústrias de farmoquímicos e adjuvantes farmacotécnicos sofreram maior retração, recuando dos US$ 752,5 milhões em 2017 para US$ 740,2 milhões em 2018 (queda de 6%). Já as indústrias de medicamentos exportaram US$ 946 milhões em 2017, contra US$ 1.006 milhões em 2016 (queda de 1,6%).

Cabe destacar que os adjuvantes farmacotécnicos (substâncias auxiliares na produção dos medicamentos), que registraram crescimento de 17,3% no ano passado, voltaram a registrar crescimento, embora mais tímido, passando dos US$ 142,3 milhões em 2017 para US$ 143,7 milhões em 2018 (alta de cerca de 1%).

Na categoria dos insumos farmacêuticos, a receita atingida pela venda de ácidos biliares (US$ 61,8 milhões), ésteres e sais de lisina (U$ 53,2), outros aminoácidos (U$ 43,5) e heparina (US$ 40,3 milhões) merecem destaque.

 

Importações aproximam-se dos U$ 10 bilhões

Já o resultado das importações de insumos farmacêuticos e medicamentos, que recuou para U$ 8,4 bilhões em 2016 e 2017, atinge sua máxima histórica em 2018: U$ 9,8 bilhões.

O crescente déficit gerado pelas elevadas importações e baixas exportações do setor farmoquímico-farmacêutico brasileiro, que atingiu U$ 8,1 bilhões em 2018, aponta para a necessidade de mantermos ações que estimulem as exportações e a substituição de produtos importados por produtos produzidos no país.

Para tanto, a Abiquifi e a Apex-Brasil, unindo forças com associações e empresas dos setores, desenvolvem o Brazilian Pharma & Health, que tem por objetivo ampliar a participação das empresas das cadeias produtivas de farmoquímicos, farmacêutico e biotecnologia de saúde humana e animal brasileira no cenário internacional.