abiquiflashes (30/10/2017 – 612)

  • Vacinas: as vacinas para uso veterinário produzidas no Brasil, especialmente a usada contra a aftosa, são exportadas especialmente para países da América Latina. Em 2017, até setembro, o País exportou US$ 20,6 milhões destas vacinas.
  • celulose microcristalina: este excipiente é amplamente usado na indústria farmacêutica para a produção de comprimidos. Nos primeiros nove meses de 2017 foram exportados, para vários países, US$ 17,6 milhões deste produto.
  • virginiamicina: antibacteriano e promotor do crescimento em veterinária, este antibiótico contribui, acentuadamente, para as exportações brasileiras de manufaturados. No que vai do ano (até setembro), foram enviados ao exterior US$ 39,1 milhões deste antibiótico.