abiquiflashes (29/01/2018 – 633)

  • Ácidos biliares: estes ácidos representam uma consistente fonte de divisas para o País pois as exportações dos mesmos atingiram US$ 70,3 milhões em 2017, 35,0% a mais do que em 2016.
  • heparina: este potente anticoagulante é extraído da mucosa intestinal de bovinos e suínos. Em 2017 a exportação deste farmoquímico representou US$ 31,4 milhões na nossa pauta de exportações de produtos manufaturados.
  • sulfato de condroitina: usado no tratamento das artroses, este insumo farmacêutico ativo (IFA) é extraído de cartilagens de aves, bovinos e suínos. As exportações deste produto em 2017 alcançaram US$ 5,4 milhões.