abiquiflashes 009

  • EUA (1): o mercado norte-americano é receptivo a medicamentos produzidos no Brasil. Em 2018, até março, foram enviados ao Tio Sam medicamentos, destacando-se os produzidos à base de cefalosporinas,  por um valor de US$ 7.724.625,00.
  • EUA (2): o ácido salicílico é a base para a produção da aspirina, por um processo de acetilação, além da sua ação queratolitica sobre a pele. Nos primeiros três (03) meses de 2018 o Brasil enviou para os EUA US$ 2.102.425,00 deste farmoquimico.
  • EUA (3): este país do norte é um destino certo para os aminoácidos produzidos no Brasil. No primeiro trimestre de 2018 o País exportou para aquele destino US$ 3.600.537,00 destes produtos.